5 de ago de 2015

OneDrive no Windows 10 sem os "smart files": Veja como obter a funcionalidade online de volta

Com o lançamento do Windows 10, o OneDrive sofreu algumas alterações.

A mais sensível delas, foram a perda dos "smart files".

Estes eram aqueles arquivos "online", mas que ficavam tipo como um atalho na pasta do OneDrive da sua máquina e não ocupavam espaço. Somente eram baixados quando você os abria.

Com isso, pessoas com ultrabooks que tem pouco espaço em disco, ficaram um pouco desamparadas tendo que usar o acesso via web pra navegar por estes arquivos.

Mas vou deixar uma dica de como recuperar o recurso, de forma semelhante em apenas 2 passos.

Passo 1:
Acesse o OneDrive via web: Você irá precisar da string da pasta.
A string fica entre o "id=" e o "&".



Passo 2:
Acesso o Explorer (Win+E), clique em "Este computador" e depois escolha "Mapear Unidade de Rede":

Aparecerá a tela abaixo. Escolha uma letra disponível e então coloque o seguinte endereço (Sem aspas): “https://d.docs.live.net/STRING/”
O "STRING" substitua pelo que você obteve no Passo 1.
Marque os dois flags e clique em concluir.

Aparecerá a seguinte tela para você logar. Coloque seu e-mail e senha da conta do Onedrive. Marque a caixa para não pedir user/senha novamente.


Se tudo correu corretamente. Você terá uma nova unidade de rede em seu PC. Porém estes arquivos não ocupam espaço. Em compensação você precisa estar online para poder editá-los.

Clique com o botão direito em cima e coloque o nome que preferir.
Eu utilizei OneDrive mesmo.



Pronto.
Qualquer dúvida, utilizem os comentários.

Abs.

13 de mar de 2015

O que importa no amor é a viagem


- Porque eu sairia contigo? Eu já saí com muitos homens, não vejo nada diferente em você.

Vou te contar uma história.
Quando eu te olho, não vejo somente carne e ossos. Eu vejo uma mulher. Não qualquer mulher, mas uma mulher a ser decifrada. Sei que não te atraio, mas posso te levar a uma boa viagem.

- Não caio nesses papinhos...

Não estou te cantando.. ainda. Quero saber a quanto tempo você não sai com um homem que consegue ler seu corpo, que consegue te entender de verdade. Um homem que sabe interpretar o que cada pedacinho do seu corpo responde ao toque do meu. Que te faz salivar, que te faz não querer falar. Um cara que te dê a dúvida entre mandar parar ou continuar durante tua respiração ofegante. Aquele que te toca, que desliza a mão em você, olhando dentro de seus olhos... um olhar penetrante inesquecível retribuído pelo seu. Dois corpos de verdade se tocando em uma coreografia sem ensaio, nada inspirada em filme pornô, sem nenhum tom. Mas algo saído de dentro de nossas mentes ao acaso. Momentos esses onde o tempo não tem influência e que horas e horas se passam sem o corpo ou a mente notar.
Chegar ao clímax qualquer um chega. A viagem até ele é o mais importante.

- mmmmmm

Eu acho que despertei sua curiosidade. Estarei ali no bar, fumando meu charuto junto a um copo de whisky. Me procure se quiser conversar mais.
Bjos.